Pedir orçamento

Pedido de Orçamento

Preencha o formulário abaixo para solicitar um orçamento gratuito. Enviaremos a nossa proposta com a maior brevidade possível.

    Nome*

    Empresa

    E-mail*

    Confirmar e-mail*

    Nº telefone

    NIF

    Serviço pretendido

    Prazo de entrega

    Mensagem (opcional)

    * Preenchimento obrigatório

    WhatsApp

    Pedir orçamento

    Pedido de Orçamento

    Preencha o formulário abaixo para solicitar um orçamento gratuito. Enviaremos a nossa proposta com a maior brevidade possível.

      Nome*

      Empresa

      E-mail*

      Confirmar e-mail*

      Nº telefone

      NIF

      Serviço pretendido

      Prazo de entrega

      Mensagem (opcional)

      * Preenchimento obrigatório

      WhatsApp

      Get a free quote

      Request Quote Form

      Fill out the form below to request a free quote. We will send you our proposal as soon as possible.

        Name*

        Company

        Email*

        Confirm email*

        Phone No

        VAT No

        Service

        Deadline

        Message

        * Mandatory fields

        WhatsApp

        Get a free quote

        Request Quote Form

        Fill out the form below to request a free quote. We will send you our proposal as soon as possible.

          Name*

          Company

          Email*

          Confirm email*

          Phone No

          VAT No

          Service

          Deadline

          Message

          * Mandatory fields

          WhatsApp

          A inteligência artificial e o emprego humano II

          Interacção Homem–IA

          ChatGPT 🤖

          O ChatGPT é um chatbot (de uma forma simplificada isto seria algo como “um robô de conversação”), especializado no diálogo online com inteligência artificial, desenvolvido pela OpenAI e lançado em 2022.

          Trata-se de uma ferramenta de processamento de linguagem natural que é ajustada a partir da aprendizagem, com supervisão humana, e treinado com base no reforço (Reinforcement Learning with Human Feedback — RLHF).

          GPT significa Generative Pre-trained Transformer e é o chatbot mais evoluído de sempre, capaz de manter conversas mais coerentes e “naturais” do que qualquer antecessor.

          O ChatGPT foi criado para gerar respostas o mais semelhantes possível às que um humano poderia gerar num ambiente de chat. Este famosíssimo chatbot, além de ter noções de ética, é capaz de definir física quântica, recomendar bons álbuns musicais e filmes, e até escrever poemas! ✍️

          Porém, na verdade, ainda é apenas um bebé e está muito longe de ser capaz de superar um humano. 👶 Quanto mais não seja, pelo simples facto de necessitar de amplíssimos modelos de linguagem com um vasto número de recursos a fim de responder de forma semelhante à de um único (e limitado) humano.

          Já conversou com o ChatGPT?

          O Bing AI, alimentado pelo modelo de linguagem GPT-4, é agora o novo motor de busca nativo do ChatGPT. Conversámos com o Bing para lhe dar uma amostra.

          Imagem criada pela equipa Verbarium, através da IA

          Existem 3 modos de conversação:

          • Mais criativo
          • Mais equilibrado
          • Mais preciso

          Para a nossa conversa (aqui resumida para não lhe roubarmos demasiado do seu tempo) optámos pelo modo equilibrado. Dê uma olhadela a esta conversa bastante ilustradora, quer das capacidades impressionantes, quer das limitações óbvias desta tecnologia nos infográficos que criámos para si! 😊

          Imagens criada pela equipa Verbarium, através da IA

           

          Modelos de trabalho híbridos

          Se não podes vencê-los, junta-te a eles — já dizia o povo. 🏆

          Tal como o Bing sugeriu na conversa que pode ler nos infográficos acima, idealmente, em vez de dividir a mão-de-obra entre máquinas e humanos, fará mais sentido que os especialistas se concentrem em alcançar métodos de trabalho híbridos.

          Isto é, pensar numa forma de os humanos e os computadores trabalharem em conjunto, capitalizando os pontos fortes de cada um e explorando as capacidades quase ilimitadas destes binómios homem-máquina.

          No caso da tradução, um método composto pela tradução neuronal complementado com a pós-edição humana, ou seja, aliando o desempenho e a rapidez da inteligência artificial ao know-how e à sensibilidade dos tradutores e revisores humanos. Um modelo de tradução híbrida melhoraria exponencialmente a qualidade da tradução ao ultrapassar os problemas que vimos ser indissociáveis dos métodos de tradução exclusivamente automática.

          A ser assim, mais que uma ameaça, a inteligência artificial poderá constituir uma verdadeira oportunidade de melhoria na área da tradução, e em muitas outras áreas profissionais.

          E quanto à infame “Revolta das máquinas”, ou O Exterminador Implacável?

          Bom, pelo menos até agora, passado o deslumbramento inicial de perceber que a capacidade de resposta é quase infindável e não parece baseada num guião, podemos ver que as respostas da IA soam muito claramente a material “alimentado” pelos seres humanos, complementado pela informação contida na quantidade massiva de recursos de pesquisa que possui.

          Podemos comparar o ChatGTP com um aluno que, para realizar um trabalho escolar, pesquisa nos livros ou na Internet e constrói uma resposta fundamentada nas várias informações que recolheu, mas que não conseguiria ter respondido na ausência das fontes que consultou, e muito menos tem uma opinião pessoal crítica sobre o assunto.

          Mesmo sendo capaz de contar uma piada ou fazer um poema, fá-lo com base na recolha de outros que já existem e nasceram da imaginação humana e, acredite, nem sempre o resultado é assim tão impressionante — e muito menos isento de falha.

          Se tem vontade de conversar com o ChatGPT, espreite:

          https://openai.com/blog/chatgpt

          Ou, se tem uma conta Microsoft, abra o Bing.com no Microsoft Edge, clique em chat e depois no botão para digitar a sua pergunta.

          Terá de iniciar sessão!

          Se ainda não leu a primeira parte deste artigo, veja aqui!

          E se tiver quaisquer dúvidas sobre os nossos serviços de tradução, revisão e copywriting, procure antes os membros 100% humanos da nossa equipa através do botão do WhatsApp ou do formulário de contacto aqui:

          https://verbarium-boutique.com/contactos/

          Sobre o nosso blogue

          Aqui, exploramos temas que nos são queridos e relevantes. Sérios, mas com um toque de humor e apimentados pela nossa paixão pela escrita! Conheça-nos “nos bastidores” e partilhe a sua opinião através dos comentários!

          About our blog

          This is where we explore topics that we hold dear or that are relevant. Serious, with a hint of humor and spiced up by our passion for writing! Get to know us “behind the scenes” and share your opinion in the comments section!

          Tags

          abrandar (2)acordo ortográfico (3)agência de tradução (2)AI (2)aprendizagem automática (3)artificial intelligence (1)Assertividade (1)audience (1)audiência (3)auto-cuidado (1)automatic translation (1)bem-estar (2)brief (4)burnout (3)CAT tools (5)challenges (1)challenges of the translator (1)computer-aided translation (1)controlo de qualidade (3)copy de marketing (3)copywriting resources (1)criatividade (3)desafios do tradutor (2)Desempenho (2)Desenvolvimento (2)Development (1)dicas (5)discurso público (3)Emotional intelligence (2)envolvimento social (2)equilíbrio entre trabalho e vida pessoal (1)erros de tradução (3)fear (1)ferramentas de gestão da tradução (4)freelancer (5)Freelancing (1)Gestão (2)gestão do tempo (1)glossários (2)human translation (1)ikigai (2)inteligência artificial (3)Inteligência emocional (2)keywords (1)language (2)Leadership (3)legal translation (1)Liderança (2)linguagem (4)Local de trabalho (2)machine-translation (2)machine learning (1)Management (1)marketing (7)marketing copy (1)medo (3)mindfulness (4)MTPE (4)orientações pessoais (2)palavras-chave (2)Performance (1)processo criativo (4)Profissão (1)proofreader (1)public speech (1)quality control (1)recursos de copywriting (2)remote working (1)resources (1)revisor (2)ritmo de vida (2)SEO (2)serviços de tradução (3)slow living (2)social engagement (3)sworn translation (1)teamwork (3)tecnologias de tradução (4)terminologia (2)tips (2)trabalho de equipa (2)tradutores profissionais (3)tradução assistida por computador (2)tradução automática (2)tradução juramentada (2)tradução jurídica (2)tradução técnica (2)translation agency (1)translation errors (1)translation management tools (1)translation services (1)translation technologies (1)wellness (3)work-life balance (1)Workplace (2)

          0 Comments

          Submit a Comment

          O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

          Gostou deste artigo?
          Inscreva-se na nossa newsletter

          Receba informações sobre as ofertas e novidades que temos para si, e fique a par da publicação de novos artigos de interesse no nosso blogue.

            Did you like the article? Subscribe to our newsletter

            Receive information about the offers and news we have for you and keep up-to-date with new blog publications that suit your interests.

              Leia mais

              Leia mais

              A inteligência artificial e o emprego humano I

              A inteligência artificial e o emprego humano I

              A tradução automática melhorou muito, mas não é infalível. Muito menos consegue levar em conta os costumes e traços culturais locais ou adaptar a tradução ao público a que se destina ou ao tipo de cliente, nem considerar factores como a intenção por detrás das palavras.

              read more

              Read more

              Read more

              A inteligência artificial e o emprego humano I

              A inteligência artificial e o emprego humano I

              A tradução automática melhorou muito, mas não é infalível. Muito menos consegue levar em conta os costumes e traços culturais locais ou adaptar a tradução ao público a que se destina ou ao tipo de cliente, nem considerar factores como a intenção por detrás das palavras.

              read more

              Pin It on Pinterest

              Share This